menu-to-close

Cidades participantes do LUPPA vão receber apoio de cidades mentoras na elaboração de suas estratégias de segurança alimentar e nutricional

Escrito por LUPPA

18 de fevereiro de 2022
Cidades participantes do LUPPA vão receber apoio de cidades mentoras na elaboração de suas estratégias de segurança alimentar e nutricional

Entre novembro de 2021 e janeiro de 2022 o LUPPA - Laboratório Urbano de Políticas Alimentares - realizou uma série de oficinas e seminários que contaram com a participação de representantes de governos e sociedade civil organizada das mais de 20 cidades selecionadas para a 1a edição do LUPPA Lab.

Foram momentos de intensa troca de experiências e cada cidade participante trabalhou no desenvolvimento de uma rota para identificar ações de impacto, ou seja, iniciativas já existentes, ou novas, que precisam ser potencializadas, para alavancar a transformação do sistema alimentar em busca de sistemas mais justos, saudáveis e sustentáveis.

E junto com a gente nessa jornada estavam as cidades mentoras Belo Horizonte, Curitiba e Recife, que em suas participações nas oficinas e seminários compartilharam suas experiências e colaboraram no desenvolvimento dos planos estratégicos de Segurança Alimentar e Nutricional.

Cidades selecionadas receberão mentorias

Como forma de aprofundar o contato com as Cidades Mentoras, algumas das cidades participantes foram selecionadas para receber mentoria, por meio de uma cooperação técnica oferecida à cidade selecionada.

Para essa seleção foram avaliados fatores como participação e engajamento nas atividades do LUPPA e identificação dos interesses e desafios das cidades participantes com as expertises e capacidade técnica de cada uma das cidades mentoras.

As cidades que receberão mentoria de Belo Horizonte são: Contagem - MG, Petrolina - PE e Teresina - PI. A cidade de Curitiba irá apoiar Niterói - RJ, Porto Alegre - RS e Sobral - CE. Já a cidade do Recife irá trabalhar com Anchieta - SC, Brejo da Madre de Deus - PE, Caruaru - PE e Maracanaú - CE.

E as atividades deste primeiro ciclo do LUPPA se estendem até setembro de 2022. Serão realizadas reuniões de acompanhamento periódicas para que as 23 cidades participantes possam continuar a aprofundar as trocas de experiências e apresentar o andamento das ações definidas em seus projetos âncora.

O LUPPA é um projeto do Instituto Comida do Amanhã, em parceria com o ICLEI América do Sul, apoiado pelo Instituto Clima e Sociedade e pelo Instituto Ibirapitanga e parceria metodológica da Reos Partners. Nessa 1ª edição contou também com o apoio institucional das prefeituras de Belo Horizonte, Curitiba e Recife, do Grupo de Estudos, Práticas e Pesquisas em Ambientes Alimentares e Saúde da UFMG, da Humane Society International e da Alimentação Consciente Brasil.