Seminário – Como ajustar as compras públicas à cultura e produção local

Seminário – Como ajustar as compras públicas à cultura e produção local

28 jun 2022 | Eventos internos | 1ª edição

Zoom – Participação Livre

}

11h30 (horário de Brasília)


Catrapovos

Realizamos no dia 28/06 seminário sobre a experiência da Catrapovos, para apresentar na prática como os municípios podem ajustar suas compras públicas à cultura e produção local.

Recebemos para participar da conversa o procurador da República Fernando Merloto Soave, Sineide Neres, nutricionista do FNDE e assessora da coordenação geral do PNAE, Dr Klelson, vereador de Barreirinha no Amazonas e Bia Castro, nutricionista da Secretaria de Educação de São Gabriel da Cachoeira, também no Amazonas.

A Mesa Permanente de Diálogo Catrapovos Brasil foi instituída pela Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais do MPF (6CCR) em 2021, para fomentar a adoção da alimentação tradicional em escolas indígenas, quilombolas e de comunidades ribeirinhas, extrativistas, caiçaras, entre outras, em todo o país. Além disso, o grupo – composto por representantes de órgãos públicos e da sociedade civil – discute os entraves, desafios e formas de viabilizar as compras públicas da produção de comunidades indígenas e tradicionais. O trabalho pretende garantir o cumprimento da lei que prevê a aquisição de, no mínimo, 30% de produtos alimentícios da agricultura familiar, além do direito de povos indígenas e comunidades tradicionais à alimentação escolar adequada aos seus processos próprios de produção e à sua cultura.

A Catrapovos Brasil atua para replicar em todo o país a boa prática desenvolvida pela Comissão de Alimentos Tradicionais dos Povos no Amazonas (Catrapoa).

Materiais